Início Goiás Assembleias dos jornalistas goianos vão discutir contraproposta patronal

Assembleias dos jornalistas goianos vão discutir contraproposta patronal

COMPARTILHAR

A partir desta terça-feira, dia 21 de maio, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de Goiás dá início a assembleias setoriais da categoria para discutir a contraproposta patronal relativa à campanha salarial de 2019. Na proposta apresentada aos patrões, o Sindicato reivindica reajuste salarial de acordo com o INPC (que fechou os últimos 12 meses em 5,07%) mais 5% de aumento real, além de um piso de R$ 2.800,00.

Para a diretoria do SindJor Goiás, mais do que nunca, o momento é de união da categoria, pois só assim se conseguirá manter as conquistas alcançadas até aqui, bem como garantir avanços, hoje ameaçados pelas reformas trabalhistas implementadas nos governos de Michel Temer e Jair Bolsonaro. Nesse sentido, as assembleias também servirão como convocatória para que os jornalistas decidam se filiar ao Sindicato, mantendo essa importante estrutura de luta. Afinal, sem Sindicato não existe negociação e, sem negociação, não existe aumento salarial.

As assembleias têm início às 17 horas do dia 21 de maio, reunindo os jornalistas do Grupo Jaime Câmara (jornal e televisão). No dia 23, às 16 horas, será a vez da Tribuna do Planalto e, no dia 27, às 12h45, o Jornal Opção. Em dia e horário a ser confirmado, o Sindicato se fará presente de Record TV.

Os jornalistas que tiverem interesse que o Sindicato vá até o seu local de trabalho, pode contatar a entidade pelo telefone (62) 3224-3451 ou pelo e-mail jornalistasgo@jornalistasgo.org.br com a sugestão de dia e horário.